A Arca da Aliança é a prefigura de Maria Santíssima, por isso a ela deve-se maior veneração

Paralelos da Arca da Aliança com Maria Santíssima, mãe de Deus

-Arca: continha a palavra de Deus em pedra, Êxodo 40.

-Maria: continha a palavra de Deus encarnada

-Arca: Os sacrifícios dos cordeiros eram feitos na presença da Arca

-Maria: O sacrifício do cordeiro de Deus foi feito diante de Maria

-Arca: transportou a aliança temporal

-Maria: transportou a aliança eterna

-Arca: era ornada do modo mais belo e possuía imagens, Ex 37.

-Maria: na Igreja Católica é ornada e representada em imagens do modo mais belo.

-Arca: Deus determinou sua feitura para a grande missão que ela tinha

-Maria: Deus determinou a feitura de Maria, fazendo ela imaculada, pela grande missão que ela tinha, isto é dogma da Igreja.

-Arca: o Espírito de Deus faz sombra sobre a Arca e sobre o povo Judeu, símbolos da aliança, Ex, 40, Nm 10, Dt 33, Sl 91

-Maria: o Espírito de Deus faz sombra em Maria, símbolo da aliança, Lc 1

-Arca: viajou para a casa de Obed-Edom, em região montanhosa da Judéia, 2 Sam 6

-Maria: viajou para a casa de Isabel, em região montanhosa da Judéia, Lc 1.

Naqueles dias, Maria se levantou e foi às pressas às montanhas, a uma cidade de Judá, Lc 1.

-Arca: passou três meses na casa de Obed-Edom

-Maria: Maria passa três meses na casa de Isabel

-Arca: vestido como sacerdote, Davi dançou e pulou na frente da Arca, 2 Sam 6

-Maria: João Batista, de linha sacerdotal, pulou no ventre de sua mãe com a aproximação de Maria, Lc. 1

-Arca: Davi pergunta "como pode a Arca de meu Senhor me visitar ?" 2 Sam 6

-Maria: Isabel pergunta "Donde me vem esta honra de vir a mim a mãe de meu Senhor?" Lc 1

-Arca: Davi dá gritos na presença da arca, 2 Samuel 6

-Maria: Isabel exclama em alta voz na presença de Maria

-Arca: Obed-Edom e toda sua casa foi abençoada

-Maria: Isabel e sua família são abençoados

-Arca: retorna à sua casa e termina em Jerusalém, onde a presença e a glória de Deus é revelada no Templo, 2 Sam 6.

-Maria: volta para casa e eventualmente chega em Jerusalém, onde ela apresenta Deus encarnado no Templo

-Arca: continha o maná do deserto, o pão milagroso que desceu do céu

-Maria: continha Jesus, o pão da vida descido do céu

-Arca: continha a vara de Aarão que floresceu para provar e defender o verdadeiro sumo sacerdote, Num 17.

-Maria: continha o sumo sacerdote eterno

-Arca: era santa porque continha a Lei de Deus, II Crônicas 35

-Maria: era mais santa ainda, por conter Deus vivo

-Arca: Salomão cogitava se era possível Deus habitar com os homens, dizendo que "se os céus e céus dos céus não o podem conter, muito menos o templo que construi!" II Crônicas 6

-Maria: continha Deus encarnado nela

-Arca: era bastante venerada por todo o povo, mas não adorada como Deus

-Maria: é venerada por toda a Igreja Católica, mas não adorada como Deus

-Arca: segundo o Profeta Jeremias iria reaparecer quando Deus se mostrasse misericordioso, II Macabeus 2

-Maria: nasceu quando Deus se mostrou misericordioso para decidir se encarnar

-Arca: foi escondida numa caverna, para reaparecer no futuro segundo Jeremias, quando Deus mostrasse misericordioso, II Macabeus 2

-Maria: deu à luz em uma caverna, quando Deus mostrou-se misericordioso para fazer-se homem, ou seja, nesse momento tornou-se a verdadeira arca da aliança

-Arca: segundo Jeremias reapareceria quando vier a glória do Senhor como uma densa nuvem, II Macabeus 2

-Maria: mãe daquele que veio quando o Espírito fez sombra sobre ela, e que ascendeu aos céus em uma nuvem, e prometeu voltar da mesma maneira, Lc 1

-Arca: No Apocalipse aparece depois de aberto o véu do templo no céu, é seguida de relâmpagos, vozes, trovões, terremotos e forte saraiva, Ap 11.

-Maria: No apocalipse, em seguida à aparição da arca no céu, surge um grande sinal no céu, uma mulher revestida de sol, que estava grávida e dá à luz um filho, que foi arrebatado para junto de Deus, e seu trono, Ap 12

---------------------------------------

Textos Bíblicos, Bíblia Ave Maria.

Apocalipse 11

Abriu-se o templo de Deus no céu e apareceu, no seu templo, a arca do seu testamento. Houve relâmpagos, vozes, trovões, terremotos e forte saraiva.

Apocalipse 12

1 Apareceu em seguida um grande sinal no céu: uma Mulher revestida do sol, a lua debaixo dos seus pés e na cabeça uma coroa de doze estrelas. 2 Estava grávida e gritava de dores, sentindo as angústias de dar à luz. 3 Depois apareceu outro sinal no céu: um grande Dragão vermelho, com sete cabeças e dez chifres, e nas cabeças sete coroas. 4 Varria com sua cauda uma terça parte das estrelas do céu, e as atirou à terra. Esse Dragão deteve-se diante da Mulher que estava para dar à luz, a fim de que, quando ela desse à luz, lhe devorasse o filho. 5 Ela deu à luz um Filho, um menino, aquele que deve reger todas as nações pagãs com cetro de ferro. Mas seu Filho foi arrebatado para junto de Deus e do seu trono.Ap 12

Lucas 1

: Eu sou Gabriel, que assisto diante de Deus, e fui enviado para te falar e te trazer esta feliz nova. 20 Eis que ficarás mudo e não poderás falar até o dia em que estas coisas acontecerem, visto que não deste crédito às minhas palavras, que se hão de cumprir a seu tempo. 21 No entanto, o povo estava esperando Zacarias; e admirava-se de ele se demorar tanto tempo no santuário. 22 Ao sair, não lhes podia falar, e compreenderam que tivera no santuário uma visão. Ele lhes explicava isto por acenos; e permaneceu mudo. 23 Decorridos os dias do seu ministério, retirou-se para sua casa. 24 Algum tempo depois Isabel, sua mulher, concebeu; e por cinco meses se ocultava, dizendo: 25 Eis a graça que o Senhor me fez, quando lançou os olhos sobre mim para tirar o meu opróbrio dentre os homens. 26 No sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré, 27 a uma virgem desposada com um homem que se chamava José, da casa de Davi e o nome da virgem era Maria. 28 Entrando, o anjo disse-lhe: Ave, cheia de graça, o Senhor é contigo. 29 Perturbou-se ela com estas palavras e pôs-se a pensar no que significaria semelhante saudação. 30 O anjo disse-lhe: Não temas, Maria, pois encontraste graça diante de Deus. 31 Eis que conceberás e darás à luz um filho, e lhe porás o nome de Jesus. 32 Ele será grande e chamar-se-á Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi; e reinará eternamente na casa de Jacó, 33 e o seu reino não terá fim. 34 Maria perguntou ao anjo: Como se fará isso, pois não conheço homem? 35 Respondeu-lhe o anjo: O Espírito Santo descerá sobre ti, e a força do Altíssimo te envolverá com a sua sombra. Por isso o ente santo que nascer de ti será chamado Filho de Deus. 36 Também Isabel, tua parenta, até ela concebeu um filho na sua velhice; e já está no sexto mês aquela que é tida por estéril, 37 porque a Deus nenhuma coisa é impossível. 38 Então disse Maria: Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra. E o anjo afastou-se dela. 39 Naqueles dias, Maria se levantou e foi às pressas às montanhas, a uma cidade de Judá. 40 Entrou em casa de Zacarias e saudou Isabel. 41 Ora, apenas Isabel ouviu a saudação de Maria, a criança estremeceu no seu seio; e Isabel ficou cheia do Espírito Santo. 42 E exclamou em alta voz: Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre. 43 Donde me vem esta honra de vir a mim a mãe de meu Senhor? 44 Pois assim que a voz de tua saudação chegou aos meus ouvidos, a criança estremeceu de alegria no meu seio. 45 Bem-aventurada és tu que creste, pois se hão de cumprir as coisas que da parte do Senhor te foram ditas! 46 E Maria disse: Minha alma glorifica ao Senhor, 47 meu espírito exulta de alegria em Deus, meu Salvador, 48 porque olhou para sua pobre serva. Por isto, desde agora, me proclamarão bem-aventurada todas as gerações, 49 porque realizou em mim maravilhas aquele que é poderoso e cujo nome é Santo. 50 Sua misericórdia se estende, de geração em geração, sobre os que o temem. 51

II Macabeus 2

4 O escrito mencionava também como o profeta, pela fé da revelação, havia desejado fazer-se acompanhar pela arca e pelo tabernáculo, quando subisse a montanha que subiu Moisés para contemplar a herança de Deus. 5 No momento em que chegou, descobriu uma vasta caverna, na qual mandou depositar a arca, o tabernáculo e o altar dos perfumes; em seguida, tapou a entrada. 6 Alguns daqueles que o haviam acompanhado voltaram para marcar o caminho com sinais, mas não puderam achá-lo. 7 Quando Jeremias soube, repreendeu-os e disse-lhes que esse lugar ficaria desconhecido, até que Deus reunisse seu povo e usasse com ele de misericórdia. 8 Então revelará o Senhor o que ele encerra e aparecerá a glória do Senhor como uma densa nuvem, semelhante à que apareceu sobre Moisés e quando Salomão rezou para que o templo recebesse uma consagração magnífica.