Lançamento do volume 2 da série "O Príncipe dos Cruzados", do escritor Eloi Taveiro

O site "O Príncipe dos Cruzados" lança hoje, dia 8 de Setembro de 2018, festa de Nossa Senhora da Natividade, e em honra, agradecimento e louvor a esta, a primeira edição do livro: 

"O Príncipe dos Cruzados (Vol.II): Manual básico do Tradicionalista Contra-Revolucionário; Bíblia, Papas, Santos, e Teólogos", com 821 páginas, escrito por seu articulista principal e motor principal, Eloi Taveiro.

No dia 13 de Maio de 2015 havíamos lançado a primeira edição da primeira parte, e poucos dias depois, a segunda. Em 2018, lançamos a segunda de ambos com correções, e incrementos indicados na introdução dela. O link para baixá-los está a seguir:

"O Príncipe dos Cruzados (Volume 1, Parte 1): Da Teologia da História às profecias", Eloi Taveiro, 2 Edição, 609 pgs.

"O Príncipe dos Cruzados (Volume 1, Parte 2): Plinio Corrêa de Oliveira, o S. Elias de seu tempo e profeta por sabedoria, 2 edição, 218 pgs.

Colocamos a seguir transcrita a introdução desta edição,lembrando que temos a intenção de pôr a opção de comprar via internet o livro físico, assim que acharmos algum negócio decente.


De vez em quando iremos corrigir erros de português, ou de edição no livro, sem lançar novas edições, de maneira que é bom baixar de novo por esse link, mais ou menos de seis em seis meses, quando se acumular estas revisões para serem postas. Além disso, tentaremos diminuir o tamanho da letra para diminuir o número de páginas e colocar no padrão dos outros livros. Esta versão deve estar com uma letra 10% maior. Talvez uma próxima versão tenha algum pouco incremento.

Links para baixar gratuitamente estes livros em pdf:



Como ler este livro – Introdução da edição

Este livro faz parte da série “O Príncipe dos Cruzados”. Dela foi lançado em primeiro lugar o volume 1, que é dividido em duas partes, “Da Teologia da História às profecias” e “Plinio Corrêa de Oliveira e suas profecias”. A segunda parte pode ser lida sem a primeira, e a primeira também, com boa vontade. No entanto, elas fazem parte de um conjunto, e só serão divulgadas separadas porque muitos têm interesse em uma só das partes.

Agora, vem à lume o segundo volume, que visa ser um manual de apologética e mapa para o Tradicionalista Contra-Revolucionário ver as áreas principais de atuação da Revolução com suas heresias, erros e práticas que levam ao inferno e ao fim de todo vestígio de Civilização Cristã. Sendo um manual, dá alguns bons elementos para refutar estas coisas.

Sabemos que muito mais aprofundamento poderia ser dado nas tantas áreas do conhecimento que tocamos, por isso afirmamos ser este volume meramente um manual básico. Além disso, algumas áreas foram deixadas de lado, assim como o número de heresias, pela pouca influência que possuem na sociedade hodierna, ou por sua refutação estar incluída em outra refutação.

Nada mais queríamos com este trabalho e objetivo, do que mostrar com mais clareza a glória da Santa Igreja Católica fundada por Nosso Senhor Jesus Cristo. Afinal, com boa parte consistindo em citações, o livro é menos nosso do que da Tradição Católica.

Somente com a aparição de coisas muito relevantes colocaremos novos detalhes e artigos em futuras edições, que certamente existirão pelo menos para correção de erros de português, estilo, etc. Então, nos comprometeremos a ressaltar aqui na introdução os acréscimos ou correções relevantes desde a primeira edição.

Por fim, é importante ressaltar as palavras sempre proféticas e certeiras de Plinio Corrêa de Oliveira, e oferecer a Nossa Senhora este trabalho, para que seja o cumprimento de anseios tão justos, tão esquecidos, tão urgentes, que esse filho da Virgem Santíssima exprimiu, e que infelizmente seus herdeiros não tiveram atenção em cumprir. Quanto a nós, antes mesmo de conhecermos estas palavras a seguir, já tínhamos o objetivo de fazer este livro, e podemos dar graças a Maria Santíssima por conhecer tudo e terminar este trabalho.  

"Então, essa tarefa que nós temos diante de nós é uma tarefa intelectual. Nós temos a obrigação de conhecer, de, portanto, estudar, e temos a obrigação de estudar um monte de matérias enorme, estudar suficientemente para dar uma denúncia capaz e eficaz, e apresentar assim contra essa maré montante, com o sinal da cruz e o M de Maria, apresentar de frente a nossa contestação: "Isso é assim! Vocês são tais! E contra vocês nós jogamos tal denúncia!". Dê no que der e arrebente no que tiver que arrebentar, pouco importa. Nós teremos cumprido nosso dever.

Acontece que na idade madura dos srs. vem exatamente a possibilidade  de fazer esse estudo que é um grande estudo de maturidade. É um grande estudo de aplicação de inteligência, de aplicação de vontade, de empuxe sério para fazer as coisas andarem. E com isso uma possibilidade de começarem a terçar as armas da Bagarre (...).

Então os srs. percebam bem a conjuntura histórica na qual estão. Quer dizer, é-lhes posto tudo nas mãos. Mais uma vez. E com o lhes pôr isto tudo nas mãos, permitam que eu lhes diga com toda franqueza, não sei se é certo, mas é possível que a Providência lhes esteja dizendo:

"Esta é a última vez. Não facilite, porque eu perdoei uma vez, duas vezes, 50 vezes; a vez 51 não vai! Agora trate de aproveitar".

Quer dizer, esse apelo que eu estou fazendo aqui é um apelo imensamente sério, mas é imensamente sério" (Reunião Comissão Médica, 21/4/91).


Eloi Taveiro,
Dia 8 de Setembro de 2018,

Festa da Natividade de Nossa Senhora, 
um dia após o dia da Independência do Brasil.