Dr.Plinio prevê o infortúnio dos militares após o Regime com o ambiente criado

Introdução da série de artigos sobre previsões relacionadas ao Regime Militar.

Décadas depois do regime militar, podemos ver quanto no fim aquilo tudo conspirou para o atual vitimismo dos que queriam implantar uma ditadura do proletariado no país, como eles próprios admitem (Vide Vídeo). Terroristas famosos saíram como heróis, e uma terrorista foi eleita presidente da república. A recém-criada "Comissão da verdade", feita para "investigar os crimes da ditadura", inclusive chegou a publicar várias calúnias contra a TFP em relação à época. Incluímos aqui as alegações dela depois de CM (Comissão da mentira), e respondemos com V (verdade).

Dr.Plinio prevê o infortúnio dos militares após o Regime com o ambiente criado

CM: "A estrutura da repressão política no estado do Rio de Janeiro contava com o apoio de setores privados, que a proveram, entre outros benefícios, de espaços a serem usados para a tortura, assassinato e ocultação de cadáveres, como a Usina Cambahyba, em Campos dos Goytacazes, e a Casa da Morte, em Petrópolis. No caso da Usina de Campos, seu proprietário, Heli Ribeiro, era membro da TFP, organização que contribuiu com a deposição do governo João Goulart, em 1964, e que apoiou de forma ativa o regime ditatorial militar. Também membro da TFP, o filho de Heli Ribeiro, João Lysandro, conhecido pelo epíteto “João Bala”, teria sido ativo colaborador de outros agentes da repressão, em uma das ações mais brutais denunciadas sobre aquele período: a incineração de corpos mutilados de opositores políticos, nos fornos da Usina. O próprio Guerra revelou ter incinerado 12 corpos de militantes políticos naquele local, entre os quais o do líder comunista pernambucano David Capistrano, cujo corpo, já mutilado, Guerra recebeu na Casa da Morte, em Petrópolis" [1]

V: Se esta acusação de homicídio é verdadeira, não sabemos, mas fato é o profetismo de Dr.Plinio em um episódio com um militar próximo da TFP até hoje, o sr.CH, na época em uma patente mais baixo. Este fato contradiz a impressão que a CM quer passar. É atestado por vários membros da entidade, incluso pelo próprio militar (que não citamos por não ter autorização dele).

Na época do regime, o sr.CH colocou ao Dr.Plinio a possibilidade de dar um "caldo" no deputado federal e ex-prefeito de Brasília Paulo de Tarso Santos, antigo opositor da TFP preso pelos militares. Em resposta recebeu a recomendação de tratar bem qualquer preso político, especialmente aqueles inimigos da TFP, e não "torturá-lo" ou "eliminá-lo" como dá a entender o texto da CM. O profetismo do ativista católico foi realmente patente no episódio, porque, ao que consta, ele teria dito ao sr.CH, que tratando mal o preso político, ele veria as consequências disso muitos anos depois.

Atualmente, vemos toda a imprensa criticar o regime militar e os militares, grupos subversivos de esquerda inclusive picham as casas de militares do período, invadem reuniões de militares que tratam do tema. Toda a indústria de arte, que é revolucionária, também os critica, principalmente os torturadores. De fato, a vida de muitos deles se tornou mais complicada de modo que qualquer hora muitos deles, até os que nada fizeram, podem ser presos, ou obrigados a pagar uma idenização.

Clique aqui para ver mais sobre Plinio Corrêa de Oliveira e suas profecias

----------------------------------------------
Fontes:
[1] Relatório Final da Comissão da Verdade, Volume II, Pg.323