Dr.Plinio já em 1955 denunciava a estratégia “lobo em pele de ovelha” russa, bem usada atualmente com Putin

Dr.Plinio denunciava a estratégia “lobo em pele de ovelha” russa já em 1955

Lembrando que Dr.Plinio já havia previsto a metamorfose que acontecia na Rússia logo após a queda da união soviética.

"Consagrado recentemente, este jovem foi encarregado de uma importante missão. Seu vigor físico, a firmeza de sua personalidade se harmonizam agradavelmente com as insígnias veneráveis de que se reveste: uma bela cruz peitoral, cravejada de pedras preciosas, emblemas do múnus episcopal, uma admirável medalha representando a Mãe com o Filho ao colo, encimada de uma coroa real. Uma grande barba, e a indumentária solene dos sacerdotes do Oriente concorrem para dar ao personagem uma gravidade que salta aos olhos. (...) "

“Compreenderam eles a necessidade de vestir pele de ovelha para penetrar em certos ambientes”

"Ora, trata-se de um propagandista da Rússia soviética em nosso continente, pois é o representante do patriarca cismático de Moscou para a América Latina. É o "new-look" da propaganda comunista. Outrora a Rússia exportava só ateísmo franco, categórico, explosivo. Seus líderes eram agitadores que porejavam em todo o seu ser materialismo, brutalidade, espírito de revolta. Mas acontece que a experiência mostrou aos sovietes a insuficiência desta tática. Compreenderam eles a necessidade de vestir pele de ovelha para penetrar em certos ambientes. Reabriram então as igrejas fechadas, restauraram o "patriarcado" cismático de Moscou, reconstituíram a hierarquia da igreja russa e sob pretexto de "ortodoxia" se infiltram assim em ambientes religiosos, outrora irredutivelmente fechados à sua influência. Esta restauração religiosa foi timidamente iniciada sob Stálin, mais para efeito interno na Rússia, do que para impressionar o Ocidente. Agora, entretanto, sob o signo da aproximação, os soviéticos se servem largamente do fato para fins de propaganda mundial. (...) "

“Por algum tempo, ao que parece, a era da brutalidade [soviética] cessou, e chegou a do maquiavelismo.”
 
"Para que se sinta toda a diferença deste novo estilo com o que estava em voga quase universalmente nos ambientes comunistas ao tempo de Stálin. basta confronta-lo com Ana Pauker, a megera romena internacionalmente conhecida. (...)

Este confronto exprime perfeitamente qual o terreno novo em que devemos enfrentar a estratégia de Moscou. Por algum tempo, ao que parece, a era da brutalidade cessou, e chegou a do maquiavelismo. Tenhamos a astúcia da serpente, que nunca deve andar desacompanhada da inocência da pomba, como no-lo ensinou Nosso Senhor Jesus Cristo: "Vede que Eu vos mando como ovelhas para o meio dos lobos. Sede, pois, prudentes como as serpentes e simples como as pombas" ( Mt. 10.16 )."[1]


CLIQUE: Plinio Corrêa de Oliveira e suas Profecias 

--------------------------------

Fonte:
[1] Novo estilo na Propaganda Comunista, Revista Catolicismo, Nº 57, Setembro de 1955