"Me sinto apoiado". Papa Francisco recebendo com alegria homossexuais e transsexuais no Vaticano e casas da Igreja

Em 2015, a CBS News [1] mostrou um contraste na visita Papal aos EUA. Por um lado o Santo Padre recebeu Kim Davies, uma oficial de cartório que foi presa por se recusar a reconhecer um casamento gay sendo notícia no país e no mundo, e por outro lado recebeu Yayo Grassi, um ex-estudante seu abertamente homossexual, que foi recebido junto ao seu parceiro homossexual e amigos. Só um deles foi recebido secretamente, sem presença da imprensa, e o Vaticano fez questão de retirar qualquer menção a uma audiência oficial. O outro, obviamente o homossexual, foi recebido calorosamente, com direito a vídeo [2].

E Grassi ainda disse: "Me senti apoiado por ele", tendo dito que ouviu na ocasião a famosa frase do Papa sobre os homossexuais: "quem sou eu para julgar?". Grassi ainda lembrou que um transgênero espanhol já foi recebido no Vaticano [3].

Um sorridente Papa entre o
transsexual (direita) e sua "esposa"
Sobre esse "transgênero", Diego Neria Lejarraga, valeria a pena também contar. O indivíduo foi recebido com sua "esposa" no Vaticano pelo Papa, após sentir-se mal-tratado por sacerdotes de seu país pelo pecado que vive. Foi convidado via telefone pelo próprio Vigário de Cristo (que pagou as despesas), e contou que este, além de abraçá-lo, disse que "há um espaço em algum lugar na casa de Deus para você", e que "a Igreja te ama e o aceita da maneira que você é" [4].

Um outro gesto Papal semelhante a estes foi o convite feito a Maurice Rocca, comediante e jornalista da CBS show, para ler a Epístola em missa Papal em New York, em setembro de 2015 [5]. Como Rocca é assumidamente homossexual, o gesto Papal foi visto positivamente pelo movimento gayzista LGBT [6].

3 Ave-Marias em reparação dos pecados cometidos no mundo

Ave Maria, gratia plena, Dominus tecum. Benedicta tu in mulieribus et benedictus Fructus ventris tui Iesus. Sancta Maria Mater Dei, ora pro nobis peccatoribus, nunc et in hora mortis nostræ. Amen.

Veja mais sobre a crise na Igreja:

Papa Francisco recebeu bênção de uma bruxa pagã cultuadora da Pachamama (mãe terra)

Papa Francisco contra quem tenta converter os outros para a fé católica. Um "novo" conceito de missionário

Bento XVI diz amar a Igreja cismática, lamenta as excomunhões do passado, e diz crescer na unidade ao rezar junto deles e hereges 

Concílio Vaticano II aprovou a liberdade religiosa repudiada pela tradição católica  

João Paulo II celebra missa com homens e mulheres nus (índios), que ajudam a ler a epístola e a levar as oferendas  

Clique para entender a crise na Igreja

-----------------------------------------------------------------
[1] 2 de Outubro de 2015, "Vatican confirms pope met with gay couple during U.S. visit". http://www.cbsnews.com/news/vatican-confirms-pope-met-with-gay-couple-during-u-s-visit/
[2] Pode ser visto nesse link: https://www.youtube.com/watch?v=wpcNC0Ly8os
[3] Univision, 2 de Outubro de 2015, J.Gonzalo. Link: http://www.univision.com/noticias/noticias-de-eeuu/entrevista-con-el-latino-homosexual-que-se-reunio-con-el-papa-me-siento-apoyado-por-el
[4] "Report: Pope Francis meets with, hugs transgender man", Thomas C. Fox, 30 de Janeiro de 2015. Link: https://www.ncronline.org/blogs/ncr-today/report-pope-francis-meets-hugs-transgender-man 
[5] Link: https://www.youtube.com/watch?v=i9fJ5toGSVg 
[6] Link: http://www.huffingtonpost.com/entry/mo-rocca-francis-mass_us_5606d8eee4b0768126fdc46a