Papa Francisco assistiu a circo de cubanos semi-nus no Vaticano

No dia 2 de Janeiro de 2019, o site de notícias do Vaticano, Rome Reports, publicou um vídeo em seu canal do Youtube chamado "Espectacular actuación de un circo cubano para el Papa Francisco" [1], filmagem do evento que ocorreu na sala Paulo VI, naquela quarta-feira.

Separamos uma foto do triste evento. Censuraríamos o que fosse suficiente nítido para ver elementos imodestos, o que não é caso. Na foto, tirada de longe, ainda se vê o Vigário de Cristo aplaudindo os homens com roupa branca colada no corpo e dorso nu. Ao lado, outros prelados também aplaudem. 


É possível clicar na foto para ver maior, que mesmo assim não aparecerá nítida suficiente para ser apelativa.

Também se nota que as roupas de membros do circo atrás do Papa, e ao seu lado direito, exibem partes da perna, ou são coladas no corpo, mostrando seu entorno. Uma menina de rosa, ao lado do guarda suíço, que dança e se estica no circo, usa quase que um biquíni.

O circo se apresentou ao som de uma música moderna dançante.

Salmo em reparação (Salmo 6)

"Senhor, não me arguas no teu furor, nem me castigues na tua ira. Tem misericórdia de mim, Senhor, porque sou enfermo; sara-me, Senhor, porque meus ossos estremeceram. E a minha alma turbou-se em extremo, mas Tu, Senhor, até quando ? Volta-te, Senhor, e livra a minha alma, e salva-me pela tua misericórdia.

Porque na morte não há quem se lembre de Ti, e na habitação dos mortos, quem Te louvará? Estou esgotado à força de tanto gemer, lavarei meu leito com lágrimas todas as noites, regarei com elas o lugar do meu descanso. 

Os meus olhos se turbaram por causa do furor, envelheci no meio de todos os meus inimigos. Apartai-vos de mim, todos os que praticais a iniquidade, porque o Senhor ouviu a voz do meu pranto.

O Senhor ouviu a minha súplica, o Senhor ouviu a minha oração. Sejam confundidos, e em extremo conturbados todos os meus inimigos, retirem-se e sejam num momento cobertos de vergonha".

Veja mais sobre a crise na Igreja:

João Paulo II homenageia o herege blasfemo Martinho Lutero nos quinhentos anos de seu nascimento

Bento XVI diz amar a Igreja cismática, lamenta as excomunhões do passado, e diz crescer na unidade ao rezar junto deles e hereges 

João Paulo II celebra missa com homens e mulheres nus (índios - com censura), que ajudam a ler a epístola e a levar as oferendas  

Papa Bento XVI refuta em fotos os que o chamam de "mestre da liturgia"

Clique para entender a crise na Igreja

----------------------------
[1] Não recomendamos assistir por causa da imodéstia. Link: https://www.youtube.com/watch?v=KS18WAqZ9Ms