Papa Francisco celebrará o quinto centenário da revolução protestante em 2017

Dia 18 de Dezembro de 2014 o Papa Francisco pareceu estar feliz anunciando que os católicos comemorarão o quinto centenário da revolução protestante que devastou a Igreja Católica ao redor do mundo, levando inúmeras almas para o inferno. Não houve menção de entusiasmo semelhante para os cem anos da aparição de Nossa Senhora em Fátima, nem sequer foi citado. Haverá uma oração com os hereges na ocasião. Segundo o Pontífice, a comemoração dessa revolução, com a ajuda de Deus, dará "passos rumo à unidade". A próxima comemoração, poderá ser, nesse mesmo raciocínio, a do nascimento de Maomé, ou do cisma Russo, ou da degola de S.Thomas More e a fundação da seita anglicana por Henrique VIII, ou da revolução francesa, ou da revolução russa, ou até do possível advento próximo do anti-Cristo.

"Hoje em dia, o diálogo ecuménico já não pode ser separado da realidade e da vida das nossas Igrejas. Em 2017 os cristãos luteranos e católicos comemorarão conjuntamente o quinto centenário da Reforma. Em tal circunstância, pela primeira vez luteranos e católicos terão a possibilidade de compartilhar uma mesma celebração ecuménica no mundo inteiro, e não sob a forma de uma comemoração triunfalista, mas como profissão da nossa fé comum no Deus Uno e Trino. Por conseguinte, no centro deste acontecimento encontrar-se-ão a oração comum e o íntimo pedido de perdão, dirigidos ao Senhor Jesus Cristo pelas culpas mútuas, juntamente com a alegria de percorrer um caminho ecuménico compartilhado. É a isto que se refere de maneira significativa o documento elaborado pela Comissão luterano-católica para a unidade, publicado no ano passado e intitulado: «Desde o conflito até à comunhão. A comemoração comum luterano-católica da Reforma em 2017». Possa esta comemoração da Reforma encorajar-nos todos a dar, com a ajuda de Deus e o auxílio do seu Espírito, ulteriores passos rumo à unidade, e a não nos limitarmos simplesmente àquilo que nós já conseguimos alcançar" [1].

-> Sobre esta notícia invocamos, ver nosso artigo:

Sagrada Escritura, Papas e Santos contra o ecumenismo ou contra a oração com os hereges e cismáticos

Bíblia, Papas e Santos confirmam: "fora da Igreja não há salvação"


Veja mais sobre a crise na Igreja:

Papa Francisco diz: "todos nós nos encontraremos no céu". Há espaço para o inferno na teologia de Francisco ?

Papa Paulo VI aprovou a comunhão na mão, infelizmente

João Paulo II celebra missa com homens e mulheres nus (índios), que ajudam a ler a epístola e a levar as oferendas  

Papa Bento XVI em fotos mostra que revolucionou os símbolos, roupas e paramentos Papais

Papa Bento XVI refuta em fotos os que o chamam de "mestre da liturgia"

Clique para entender a crise na Igreja

-------------------------------
Fontes:
[1] Discurso a uma delegação da Igreja Evangélico-Luterana Alemã, Quinta-feira, 18 de Dezembro de 2014. Disponível em: http://w2.vatican.va/content/francesco/pt/speeches/2014/december/documents/papa-francesco_20141218_chiesa-evangelica-luterana.html